Make It Clear Brasil

Um apoio ao livre pensamento e a um entendimento do mundo baseado em evidências

Editora cristã retira o Monstro do Lago Ness dos livros de Biologia

A famosa foto do chamado monstro de Loch Ness tem sido dada por falsa, mas muitos ainda creem na lenda do monstro vivendo no lago escocês. Wikimedia Commons/Robert Kenneth Wilson

A famosa foto do chamado monstro de Loch Ness tem sido dada por falsa, mas muitos ainda creem na lenda do monstro vivendo no lago escocês. Wikimedia Commons/Robert Kenneth Wilson

O jornal americano The Christian Post reporta que a editora cristã Accelerated Christian Education, Inc., do Tennessee (Estados Unidos), decidiu remover uma afirmação a respeito do monstro do Lago Ness, também chamado de monstro de Loch Ness, do livro didático de Biologia vendido por ela na Europa e deve fazer o mesmo na versão norte-americana.

No trecho excluído lê-se: “Os dinossauros estão vivos hoje? Os cientistas estão ficando mais convencidos de sua existência. Já ouviu falar do ‘Monstro do Lago Ness’ na Escócia? ‘Nessie’ foi registrado em sonar por um pequeno submarino, descrito por testemunhas oculares e fotografado por outras. Nessie parece ser um plesiossauro.”

O oficial de comunicações da organização criacionista Answers in Genesis [Respostas no Gênesis], Mark Looy, aprovou  decisão da ACE: “Há tantas lendas como estas, como o dragão mencionado em Beowulf, os inúmeros relatos de São Jorge e o dragão, e daí em diante, que não podem ser rejeitadas”. Porém, de acordo com Looy, o fato de Nessie ser um exemplo questionável torna “sensato” excluir a referência a ele em livros que tratam de monstros possivelmente vivos.

Mark acrescenta que não há evidências suficientes da existência de tal criatura, salientando que os plesiossauros, sim, viveram.

A confusão com o livro didático começou quando foi descoberto que ele era utilizado por uma escola particular da Louisiana (Estados Unidos) à qual recursos públicos eram destinados. O grupo Americans United for Separation of Church and State [Americanos Unidos pela Separação entre Igreja e Estado] alegou que o livro “Biology 1099” continha “ideias incomuns – uma delas a afirmação de que dinossauros poderiam ainda vagar pelo nosso planeta”.

Outras entidades observam que a edição atual do “Biology 1099” ainda argumenta que humanos e dinossauros habitaram o planeta ao mesmo tempo. O mesmo Mark Looy, do Answers in Genesis, disse ao Christian Post que há muita evidência histórica de que criaturas como dinossauros andaram pela Terra em companhia de seres humanos. Sim, leia novamente! “HÁ MUITA EVIDÊNCIA HISTÓRICA“:

“Jó descreve um criatura real, chamada Leviatã, que parece ter sido um monstro marinho. Ainda há centenas de lendas de dragões de todo o mundo, incluindo as de monstros marinhos e também criaturas que lembram dinossauros, isto não pode ser ignorado.”

Ele continua: “Há ampla evidência circunstancial de monstros marinhos (bem como dinossauros) vivendo nos últimos 4 mil anos que pode ser usada em livros de ciência.”

Você não está louco.

Fonte: The Christian Post

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 1 de Agosto de 2013 by in Educação and tagged , , , , , , , .

Navegação

%d bloggers like this: